Dicas para tentar no Windows 11

O Anúncio do Windows 11 não apenas surpreendeu a todos, tendo em mente toda a conversa de Windows como um serviço que eles falaram antes, mas ele ainda está vindo de uma forma colorida, estável e voltado para o desempenho desde a sua versão de testes. Nós temos usado o Windows 11 em um PC gamer desde que a primeira versão para download saiu, e você vai se surpreender em saber quantos truques o sistema esconde em suas mangas! Se você já fez ou está pensando em fazer a atualização para o Windows 11, esse artigo irá mostrar algumas das dicas mais impressionantes sobre o que você pode fazer com ele.

Dicas e Truques para tentar no Windows 11

Mesmo se você já conhecer algumas dessas funções, recomendamos muito tentá-las mais uma vez no novo Windows. Muita coisa mudou, e somente quando você experimentar em primeira mão, você entenderá como elas podem se encaixar bem em seu fluxo de trabalho diário.

  1. Layouts Snap
  2. Múltiplas tarefas – Vibração de Janela
  3. Terminal Windows
  4. Controles Avançados de Som
  5. Auto HDR para jogos e vídeos
  6. Menu de contexto Open Legacy
  7. Adicionar pastas ao Menu Inicial
  8. Áreas de trabalho virtuais
  • Snap Layouts

Apesar de que o Windows 10 oferecia atalhos de teclado (Win + setas) para organizar programas abertos em layouts, os Layouts Snap no Windows 11 funcionam de uma forma muito melhor. 

Integrados com o botão de maximizar que, ao clicar nele, são oferecidas opções de Layout instantaneamente, onde você pode ajustar de 2 a 4 programas. Assim que você escolher o layout, você pode escolher dentre os outros programas abertos, e a janela será automaticamente posicionada. Você também pode definir os aplicativos nos layouts segurando a barra de título e então adicionando ela na seção de prévia, que aparece nos fundos.

As opções de Snap disponíveis em Configurações > Sistema > Multitarefas permitem aprofundar o modo como você modifica o comportamento das telas de acordo com suas preferências. Essa aba inclui o comportamento do Snap, uma prévia do layout, preenchimento automático e redimensionamento automático da janela adjacente.

  • Múltiplas tarefas – Vibração de Janela

O Windows já oferece o atalho Win + D para minimizar todos os aplicativos e janelas abertos, mas e se você quisesse minimizar todas menos uma? É aí que entra as funcionalidades do Windows 11 Shake. 

Segure a barra de título da janela aberta que quiser manter e a chacoalhe usando o mouse. Essa função é muito útil quando você quer ver quiser ver algo na sua área de trabalho e não quer perder tempo tentando achar o programa novamente. Para trazer todas as janelas de volta, basta chacoalhar mais uma vez.

  • Terminal Windows

Os usuários de Windows já viram vários editores de linha de comando, incluindo o PowerShell, Prompt de Comando e o Windows System for Linux (WSL). A parte irritante desses editores é que todos parecem datados e limitados. A Microsoft parece estar substituindo esses programas com uma interface melhor, através do Terminal Windows. Ele já substituiu o Prompt de Comando no Power Menu (Win + X).

Aqui está uma lista de funcionalidades:

  1. Suporta para várias abas
  2. Azure Cloud Shell
  3. Engine de texto com aceleração de GPU
  4. Suporte para temas
  5. Função de Encontrar
  6. Adicionar nomes personalizados a cada aba

Então, ao invés de abrir várias abas, você pode ter uma janela e cada uma das abas poderá ser identificada facilmente. É ideal para os usuários que gostam de usar o terminal para quase tudo. 

  • Controles Avançados de Som

Essa é uma funcionalidade que adoramos de verdade. Usar headphones no PC para jogar jogos, ouvir música e assistir a vídeos é algo muito comum. E configurar os fones para a melhor experiência possível é sempre um desafio. 

Agora, as configurações de som oferecem um controle avançado para dispositivos de áudio conectados. Tudo ficou mais direto.  A lista inclui o formato de configuração, canal esquerdo e direito, melhorar as configurações de áudio e configurações de som espacial.

Para configurar, vá até configurações > som e selecione os seus autofalantes ou fones de ouvido, que devem estar visíveis. A configuração de som espacial é uma funcionalidade excelente, se o seu computador suportar o Dolby Atom ou o DTS. Existem mais de uma centena de fones de ouvido e headsets para o qual ele se customizará automaticamente.

As atualizações opcionais também oferecem atualizações para os drivers na mesma página. Mas essas atualizações são totalmente opcionais e recomendamos que as instale apenas se forem necessárias.

  • Vídeos e jogos com o Auto HDR

O HDR, ou High Dynamic Range é incrível, quando falamos de vídeo games ou vídeos. Essa função melhora a imagem de vídeo, baseado em várias imagens diferentes em um único frame.

Contudo, mesmo se você tiver um monitor com suporte HDR, não há uma garantia de que ele irá exibir as imagens em HDR, a não ser que o Windows tenha suporte para ele a um nível de software.

O Windows 11 oferece configurações para os monitores suportados aplicarem o HDR para jogos, aplicativos e vídeos, individualmente. Você precisará apenas configurá-lo para o monitor específico, se estiver usando vários monitores.

Como habilitar o Auto HDR:

  • Abra as Configurações do Windows (Win + I)
  • Vá até sistema > Vídeo > HDR > Selecionar Monitor
  • Habilite as opções – Usar HDR em Streaming e Habilitar HDR

As configurações serão aplicadas automaticamente.

  • Menu de contexto Open Legacy

A interface de usuário do Windows 11 é totalmente diferente do Windows 10. Não é apenas mais bonito e mais colorido, mas também é mais organizado. Contudo, ele ainda possui a função Legacy, que levará um tempo para sair.

Uma das funcionalidades do Legacy está escondida agora nos menus de contexto, que é aquele menu que aparece quando clicamos com o botão direito em alguma coisa.

O menu de contexto do Windows 11 está organizado de uma maneira que mostra os comandos mais usados, como o recortar-copiar-colar, opções de organização dentre outros.  Todo o resto, tais como as opções do menu de contexto referentes ao programa em si, estão escondidos nas opções presentes em “Mostrar Mais”. Se quiser abrir diretamente com essas opções, use o Shift + F10 quando estiver em uma pasta ou seleção.

  • Adicionar pastas ao Menu Inicial

Comparado ao Windows 10, o Menu Inicial do Windows 11 é mais organizado e melhor posicionado. Algumas pessoas podem sentir falta de algumas coisas, incluindo uma lista das pastas, disponível ao lado do botão de desligar.

Se você ir até Configurações > Personalizar > Início > Pastas, você pode adicionar pastas como Documentos, Downloads, Música, Rede e a pasta do Usuário.

  • Áreas de trabalho virtuais

Apesar do conceito de múltiplas áreas de trabalho ter sido introduzido no Windows 10, ele não foi muito usado devido às limitações das funções. No Windows 11, as áreas de trabalho virtuais receberam várias funcionalidades que os tornam mais atraentes. A lista inclui:

  • Customizar o nome de cada uma das áreas de trabalho
  • Uma prévia dos programas em cada uma das áreas de trabalho passando o mouse por cima.
  • A possibilidade de arrastar e soltar aplicativos para uma área de trabalho diferente, sem a necessidade de trocar a área de trabalho.
  • Fundos de tela individuais 

Tudo isso torna o sistema muito propício para separar o trabalho dos programas e aplicativos pessoais. Além disso, a função de personalização o torna ainda mais atraente.

Conclusão:

O Windows 11 está se mostrando uma atualização fantástica para o Windows 10, não apenas em termos de desempenho, mas também em termos de personalização, com um menu que está melhor distribuído, e com um visual mais arrojado e respostas mais rápidas. 

Essas são algumas das melhores dicas que podemos dar sobre o Windows 11 e que você pode usar diariamente para melhorar e aumentar a sua produtividade.

Sair da versão mobile